Câmara não acata pedido de cassação do prefeito

Ver. Gilmar Luz fez pronunciamento na tribuna

Ver. Gilmar Luz fez pronunciamento forte na tribuna

A sessão de hoje, da Câmara Municipal de Osório, foi especial em razão da apreciação do pedido de cassação do prefeito Eduardo Abrahão. Houve pronunciamento dos parlamentares e discussão do quórum necessário para sua rejeição ou aprovação. A mesa diretora, baseada em avaliações jurídicas, baseou-se na necessidade de dois terços dos votos para a decisão do colegiado; enquanto o PMDB fincou pé na maioria simples, o que não foi acatado pela presidência.
A votação do pedido de cassação terminou empatada em quatro a quatro; com votos favoráveis da bancada do PMDB. Mesmo assim Gilmar Luz fez questão de dar seu voto, contrário à solicitação apresentada por Hélio Bogado. Desta forma, o pedido de cassação do prefeito acabou rejeitado pelo Legislativo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s