Aumento de cadeiras é discutido na Câmara de Osório

Ver. Leli

Ver. Leli

Na sessão de ontem, da Câmara Municipal de Osório, novamente foi alvo de debate o aumento do número de parlamentares. O vereador Leli (PDT) afirmou na tribuna ser favorável a 13 parlamentares no Legislativo osoriense. Logo após se manifestou Valério dos Anjos (PDT) que demonstrou preocupação com a realização de uma audiência pública, pois resultaria em ambiente tumultuado e críticas pesadas à Câmara.
A Câmara de Osório possui nove vereadores e é uma das que menos gasta em diárias e outras despesas no Rio Grande do Sul. Este zelo com o dinheiro público foi destacado pelo vereador Rossano Teixeira (PP), ressaltando que outros Legislativos da região não têm a mesma conduta.
O vereador Leli apontou que deverá ser realizada uma audiência pública para debater a questão, visando aumentar a representatividade da Casa e qualificar o seu trabalho.

Anúncios

Um Comentário

  1. adriano moccelin

    porque não discutimos o aumento de sessões ordinárias?

    se a Casa hoje é referência na região, é mérito da comunidade.
    https://gastao30.wordpress.com/2011/10/06/pressao-popular-deu-resultado-em-osorio/.

    vereador não tinha remuneração até o ano 1975, somente nas capitais e cidades com certo número habitantes. com a aprovação da Emenda Constitucional nº 4, isso no regime militar, Câmaras Municipais foram autorizadas a fixar a remuneração aos parlamentares. hoje, o salário dos vereadores é de 20% a 75% dos vencimentos dos deputados estaduais, que por sua vez podem receber até 75% do salário dos deputados federais (sentiu a maldade?). vereadores ainda podem conciliar o cargo com outras funções públicas ou privadas, pois é, não prestam um serviço de “exclusividade”, bem diferente de outras funções não precisa “bater cartão” ou trabalhar 8 horas diárias… além de definirem o número de cadeiras, definem os salários do prefeito, do vice, os próprios… muitas vezes superior a cargos tão vitais quanto o deles.

    faça um exercício, consulte a “representatividade” com 11 ou 13
    http://www.tse.jus.br/hotSites/estatistica2012/resultado-eleicao.html

    qualificar a casa? que conversa estranha… temos plano de mobilidade urbana?
    http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/CIDADES/488735-COMISSAO-DOBRA-PRAZO-PARA-MUNICIPIO-APRESENTAR-PLANO-DE-MOBILIDADE.html

    afinal qual é a “média de público” das nossas sessões?

    sejam verdadeiros, expliquem: pela legislação vigente no país poderíamos aderir ao esquema com até 13 vereadores, somos uma cidade apta a acomodar, pela relação de habitantes, no mínimo 11..
    https://pt.wikipedia.org/wiki/C%C3%A2mara_municipal_(Brasil)

    vocês sabem quem foi a edil mais votado do município? faltam recursos no hospital (sempre), façam o repasse do que sobra. é justo… fiscalizem o destino disso com a mesma convicção que defendem seus interesses. creio que não seja oportuno o debate, estamos em crise.. ou já passou? será que a decisão vale para o próximo pleito?

    ótimo e atual, a posição do blogueiro, isso no ano de 2011
    https://gastao30.wordpress.com/2011/07/03/mais-cadeiras-nas-camaras-municipais/

    são sempre os mesmos e jamais ventilam a possibilidade de 11 representantes https://gastao30.wordpress.com/2011/09/27/legislativo-aprova-aumento-de-vereadores/

    minha posição? poderiam ser 50 ou mais, todos recebendo um salário mínimo. gabinete? seria a sede partidária. sala para reuniões? na Biblioteca Pública Municipal… seria ótimo! lembrem-se: vocês estão vereadores, isso não é um emprego.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s