Hospitais precisam de socorro

“Certamente haverá cortes nas verbas, eles não receberão globalmente, mas apenas o que produzirem”, afirmou a coordenadoria regional de Saúde, Magda Bartikoski, em sessão da Câmara de Santo Antônio da Patrulha a respeito dos repasses ao Hospital local.
Tal situação nos remete à questão do gerenciamento hospitalar em redes públicas, hoje enfrentando extremas dificuldades em razão da defasagem de 12 anos da tabela do SUS.
Em Osório o prefeito Eduardo Abrahão e sua equipe avaliam hoje que medida tomar em relação ao Hospital São Vicente de Paulo, pois está claro que o barco começou a afundar nos últimos 20 dias, portanto é preciso salvar este pronto-atendimento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s