Paim: “maioria das propostas de Temer prejudica população”

Senador Paulo Paim

Senador Paulo Paim

Hoje, no Parque de Rodeios de Osório, entrevistei o senador Paulo Paim (PT). Antes de sair em campanha, ao lado do prefeito Eduardo Abrahão, pude fazer-lhe algumas perguntas sobre a política nacional e as medidas do Governo Temer.
Segundo ele, o projeto que dá um teto aos gastos públicos é uma proposta absurda. “Se esta proposta fosse adotada no passado, hoje o salário mínimo seria de R$ 450,00”. Também afirmou que os investimentos em educação e saúde, até agora, seriam apenas metade. Paim propõe reposição do salário mínimo e também para aposentados e pensionistas através da inflação mais crescimento do PIB. “Nós estamos trabalhando para reverter esta proposta do governo de congelamento dos gastos públicos”, afirma. “A maioria das propostas de Temer é para trazer prejuízos ao povo brasileiro”.
Renda, Paim, Abrahão e Ronei (esq. p/ dir)

Renda, Paim, Abrahão e Ronei (esq. p/ dir)

O petista considera o Governo Temer péssimo, criticando a reforma da Previdência e medidas referentes às aposentadorias por invalidez. “No campo da política e do emprego, Temer não apresentou nada até agora. Seu governo não gerou emprego, enquanto o nosso criou 20 milhões de vagas com carteira assinada. Há recessão, taxa de juro crescente e o presidente não tem nenhuma proposta para retomar o crescimento do país. Querem agora privatizar totalmente o pré-sal. Os próximos dois anos, no meu entendimento, serão muito difíceis e é preciso muita mobilização para não permitir que o Governo Temer não esculhambe neste período tudo o que país cresceu nos últimos 20 anos”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s