Estado deve R$ 12 milhões para Saúde do Litoral Norte

A pedido da Famurs, a Secretaria Estadual da Saúde realizou levantamento da dívida do Governo do Estado com os municípios. Em relação ao Litoral Norte, o montante chega a R$ 12 milhões desde 2014 até junho de 2016. A maior dívida é com Osório, ultrapassando os R$ 2 milhões.
Nesta semana entrevistei o prefeito Eduardo Abrahão e ele demonstrou grande preocupação com as pendências do Governo Sartori, o que repercute no atendimento à população.
VALOR DEVIDO AOS MUNICÍPIOS NA ÁREA DA SAÚDE
Arroio do Sal – R$ 381.293,96
Balneário Pinhal – R$ 690.312,11
Capão da Canoa – R$ 1.229.585,99
Capivari do Sul – R$ 201.458,77
Caraá – R$ 348.200,10
Cidreira – R$ 390.107,75
D. Pedro de Alcântara – R$ 114.525,96
Imbé – R$ 891.786,56
Itati – R$ 191.511,92
Mampituba – R$ 271.719,21
Maquiné – R$ 261.360,14
Morrinhos do Sul – R$ 123.645,37
Mostardas – R$ 447.926,43
Osório – R$ 2.093.983,81
Palmares do Sul – R$ 539.630,59
Tavares – R$ 171.439,30
Terra de Areia – R$ 310.388,04
Torres – R$ 883.007,82
Tramandaí – 1.253.151,41
Três Cachoeiras – R$ 470.664,62
Três Forquilhas – R$ 166.531,86
Xangri-Lá – R$ 562.921,05

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s