Governo Temer quer encarnar legitimidade forçando medidas

Evento na UFRGS reuniu 11 universidades federais

Evento na UFRGS reuniu 11 universidades federais

Tendo assumido a presidência da República após o impeachment da presidente Dilma Rousseff, Michel Temer desde o início de sua gestão mostrou seus propósitos de forma clara, procurando implantar medidas nas mais diversas áreas. Assume um papel de protagonismo junto à sociedade, mas esta tem significativos segmentos contrários à sua política. A traumática deposição de Dilma, em processado eivado de contradições, deixou marcas que agora afloram na forma de movimentos como ocupações, protestos e pronunciamentos carregados de ira e mágoa contra Temer e sua política.
No caso da Educação, nítido ficou o distanciamento do governo federal das expectativas da comunidade acadêmica. A Ufrgs, conforme matéria publicada em seu site, realizou evento onde os participantes elaboraram carta reivindicando a retirada imediata da MP 746 e da PEC 55 (antiga PEC 241 na Câmara dos Deputados), a ampliação da participação da sociedade nas discussões referentes às mudanças no Ensino Médio, a articulação das mudanças no Ensino Médio ao fortalecimento do Plano Nacional de Educação (PNE) e a garantia de financiamento público para educação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s