Questão prisional novamente é debatida em Osório

O prefeito Eduardo Abrahão recordou a construção da Penitenciária Regional, levada adiante pelo governador Antônio Britto (PMDB). Naquela época, em 1996, Abrahão era vereador pelo PT em Osório, tendo havido duas audiências públicas para debater a questão. A maior parte da comunidade se posicionou contra, apesar das explicações dos técnicos do Governo do Estado. Coincidentemente, há 20 anos atrás, a construção do presídio também opôs PDT e PMDB, gerando muitos debates, reuniões e posicionamentos visando fortalecer candidaturas e governos.
Hoje Abrahão não descarta pedir o apoio do deputado federal Alceu Moreira. “Acho o Alceu Moreira folclórico. Durante as campanhas ele faz ofensas pessoais, mas não tenho nada contra ele”, afirmou o pedetista durante a entrevista coletiva. A questão também passa pelo Palácio Piratini e pelo deputado Gabriel Souza (PMDB), líder do governo na Assembleia Legislativa.
O fato é que as cartas estão na mesa e a comunidade assistindo a mais um cavalo de batalha em torno da penitenciária regional. O Governo do Estado procura dispor seus recursos de forma econômica, mas nem sempre as comunidades aceitam estruturas como presídio. Quando a questão mistura-se à política local, ganha uma dimensão que prenuncia o período eleitoral.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s