Categoria: Jornalismo

Imagem é tudo na campanha eleitoral

Há poucas eleições atrás aconteceu episódio insólito na política do Litoral Norte. Eloi Braz Sessim postulou sua candidatura a prefeito de Tramandaí, cuja admissibilidade ficou em suspenso por um bom tempo, aguardando uma decisão da Justiça Eleitoral. Tendo sido impedido de participar da campanha eleitoral, montou um boneco de sua pessoa e arregimentou apoiadores que foram para as ruas pedir voto. Sua campanha chamava a atenção, pois o “boneco do Sessim” era uma sensação por onde passava. No entanto, o esforço foi em vão, pois a sua candidatura não foi deferida pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).
Na eleição deste ano a candidatura de Lula está também aguardando uma decisão definitiva. Houve inscrição de sua candidatura a presidente, mas seu impedimento é visto apenas como uma questão de tempo, em razão de cumprimento da Lei da Ficha Limpa.
Assim como o “boneco do Sessim”, Lula se fará presente, mesmo que por meio de imagens e vídeos. Diferente da estratégia solitária e desesperada de Sessim, o petista procurará passar o bastão da campanha, num jogo coordenado para tentar ganhar a eleição com outro candidato na reta final.
Estas situações provam que o sistema legal que norteia as eleições no Brasil tem falhas, pois é recheado de instâncias recursais, prazos fora de propósito e indefinições que confundem o eleitorado.

Anúncios

IPTU de Tramandaí poderá ser parcelado em dez vezes

Pref. Gauto

O prefeito de Tramandaí, Luiz Carlos Gauto (PP), irá assinar em breve o decreto que aumentará de seis para dez parcelas o pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbana (IPTU). A medida entrará em vigor em janeiro de 2019.
Os moradores e veranistas poderão fazer o pagamento à vista em janeiro com 10% de desconto ou em fevereiro com 5% de desconto. Em março inicia o pagamento que poderá ser feito em até 10 vezes.
Gauto também destaca que não haverá aumento no valor do imposto e da taxa de recolhimento de lixo. “Analisamos a situação da economia nacional e sentimos a necessidade de aumentar o tempo para o pagamento do IPTU. Não vamos corrigir o imposto de acordo com a inflação, nem da taxa de recolhimento de lixo. Iremos permanecer com os mesmos valores”, frisa.

Prefeito Lang recorre ao BRDE para melhorar infraestrutura

Pref. Paulo Lang

Enquanto a oposição esperneia procurando a cassação do prefeito de Palmares do Sul, Paulo Lang (PT) procura driblar o aperto orçamentário e a queda de arrecadação recorrendo ao BRDE numa operação bastante vantajosa para o Executivo.
Lang encaminhou à Câmara projeto de lei que pede autorização para realizar uma operação de crédito com o BRDE no valor de R$ 3,5 milhões, ou seja, um financiamento para obras de infraestrutura que será pago pelo município em dez anos sem comprometer suas finanças.
Uma das metas é terminar com as inundações na rua Antonio Machado e Avenida Palmares. Os investimentos incluem a rua Catalunha, na localidade de Frei Sebastião, e Avenida Esparta, em Quintão.
O projeto será votado pelo Legislativo. “Sem fazer este empréstimo a administração municipal não tem capacidade para realizar investimento deste porte. Não estamos endividando Palmares do Sul”, ressalta o prefeito.

Informação é o melhor antídoto contra a desinformação

É importante esclarecermos a respeito da notícia que trata da decisão do Tribunal de Contas do Estado (TCE) em relação ao ex-prefeito de Terra de Areia, Joelci Jacobs. Foram encontradas irregularidades em sua gestão, gerando uma sentença que estabelece ressarcimento aos cofres públicos. Isto não significa que houve desvio ou roubo do dinheiro do contribuinte. Infelizmente muitas pessoas exploram notícias deste tipo, deturpando seu sentido para prejudicar a imagem do apontado pelo TCE. Muitas destas ações partem de adversários, tomando corpo em razão da força das redes sociais.
Em Osório houve caso bastante semelhante, quando o TCE apontou o prefeito Eduardo Abrahão em relação a falhas na fiscalização dos recursos destinados ao Hospital São Vicente de Paulo. Os adversários de Abrahão aproveitaram a notícia para fazer comentários e artigos sobre a grande quantia que ele precisaria devolver ao Hospital, como se fosse resultado de roubo e outras safadezas.
Para se combater a desinformação o melhor remédio é a informação. Então tenhamos discernimento e compreensão dos fatos que envolvem o Tribunal de Contas, prefeitos e ex-prefeitos. O site do TCE tem muitas informações e as próprias sentenças, sendo a fonte apropriada para os internautas tirarem dúvidas quando se virem diante de distorções e mentiras.

Saúde de Tramandaí recebe três novos veículos

Vice Corso, sec. Saltiel e pref. Gauto (esq. p/ dir.)

A Prefeitura de Tramandaí adquiriu três novos veículos para a Secretaria Municipal de Saúde. A entrega oficial ocorreu nesta manhã de segunda-feira (13). O prefeito Luiz Carlos Gauto (PP) entregou as chaves dos automóveis Fiat Uno para o secretário de Saúde Luciano Saltiel.
Eles foram obtidos através de emendas dos deputados Pompeo de Mattos (PDT), Afonso Motta (PDT) e Maria do Rosário (PT).
O prefeito Gauto destacou que esses veículos darão o apoio necessário aos postos de saúde. “São ações desse tipo que vão melhorar o atendimento da nossa comunidade, das pessoas que necessitam de veículos para ações da saúde no município. Essa é mais uma conquista de Tramandaí”, comemorou.
“Com a chegada desses veículos vamos conseguir dar um apoio mais próximo das necessidades da nossa população”, avaliou Saltiel.

Qual é o futuro do Hospital?

Integrantes do IAHCS conversam com prefeito

Recém foi decidida a manutenção da intervenção da administração municipal de Osório no Hospital e seus dirigentes e o prefeito se reuniram na última sexta-feira (10) com o Instituto de Administração Hospitalar (IAHCS) para este tratar de uma possível gestão do São Vicente.
Não queremos desmerecer reuniões e negociações deste tipo, muito pelo contrário. O problema é a procrastinação e a falta de decisões definitivas, afinal a dívida do Hospital é muito grande e ele não conta com traumatologia, UTI e outros serviços essenciais para a população de Osório e região. Mais uma vez pergunto: onde estão os líderes realmente proativos da comunidade?

Ex-prefeito de Terra de Areia deverá ressarcir R$ 279 mil aos cofres públicos

Joelci Jacobs

Em sessão da 1º câmara do dia 24 de julho, o Tribunal de Contas do Estado (TCE-RS) considerou regulares, com ressalvas, as contas de gestão do exercício de 2016 do ex-prefeito de Terra de Areia, Joelci da Rosa Jacobs. A decisão não é definitiva, cabendo recursos ao Órgão de Controle a partir da publicação no Diário Eletrônico do Tribunal.
Acolhendo o voto do relator do processo, conselheiro Estilac Xavier, o TCE-RS fixou débito de R$ R$ 279.491,31 ao ex-gestor, devido ao pagamento de juros por atrasos de faturas da empresa Banrisul Serviços Ltda., e pelas despesas sem correlação com o objeto de parceria com Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) para o desenvolvimento de ações complementares e serviços de suporte aos programas Pronto Atendimento, Infância Melhor, Estratégia de Saúde da Família, SAMU/SALVAR e Ações de Serviço de Saúde.
O Tribunal de Contas também impôs multa no valor de R$ 1 mil reais ao ex-prefeito por inobservância às normas constitucionais e legais reguladoras da gestão administrativa, e advertiu o atual administrador municipal para que corrija e evite a reincidência das irregularidades relacionadas a termo de parceria com OSCIP para o desenvolvimento de ações e serviços de saúde, e à contratação de pessoal sem processo seletivo. Além disso, as medidas implementadas para a correção dos apontes serão verificadas em futura auditoria.
FONTE: TCE-RS