Marcado: Arroio do Sal

Candidaturas a prefeito no Litoral Norte

Aluisio Teixeira vai a prefeito de Terra de Areia

Aluisio Teixeira vai a prefeito de Terra de Areia

Até hoje (16) Terra de Areia tem apenas um candidato a prefeito que consta do site do TSE: Aluisio Teixeira (PMDB). O prazo se encerra neste sábado (20) quando, observado o prazo de 48 horas contadas da publicação do edital de candidaturas requeridas, os candidatos podem solicitar seus registros caso os partidos ou as coligações não o tenham feito.
Abaixo candidaturas a prefeito em cidades do Litoral Norte que ainda não havia divulgado no blog.
CANDIDATURAS A PREFEITO
Torres: Alessandro Bauer (PMDB), Carlos Souza (PP), Márcio Alexandre da Silva (SD), Lindomar Lummertz Filho (PSOL).
Arroio do Sal: Bolão (PMDB), Jucilei da Silva (PDT), Nora Machado (PT).
Mampituba: Dirceu Selau (PT), Vilmar Scheffer Matos (PDT).
Morrinhos do Sul: Dirceu Benetti (PP), Luiz Steffen (PMDB), Nilson Raupp (PDT).
Três Forquilhas: Loraci Justo (PP), Robson Brehm (PMDB).
Itati: Carlos Chaves (PMDB), Flori Werb (PP).
Três Cachoeiras: Flávio Lipert (PP), José Paulo Rodrigues (PMDB).
Capivari do Sul: Marco Cardoso (PDT), Fernando Quadros Cardoso (PP).

Luciano Pinto é eleito presidente da Famurs

Luciano Pinto

Luciano Pinto

O prefeito de Arroio do Sal, Luciano Pinto (PDT), é o novo presidente da Famurs. Ele foi eleito, nesta terça-feira (24), para comandar a Federação no biênio 2016/2017. A chapa encabeçada por Luciano recebeu 150 votos de prefeitos que confirmaram a escolha da nova diretoria. Também foram registrados dois votos em branco. A posse será realizada durante o 36º Congresso de Municípios do Rio Grande do Sul, nos dias 6 e 7 de julho, em Porto Alegre.
Luciano Pinto substituirá o prefeito de Candiota, Luiz Carlos Folador, no comando da Federação. Uma das suas bandeiras à frente da entidade será a manutenção do Programa Mais Médicos. “Hoje, esse programa é fundamental devido à falta de médicos no interior. Não podemos ter pessoas desassistidas na área da saúde por carência de profissionais”, afirma. Entre outras bandeiras, Luciano prega união entre as instituições para sair da crise, defende um maior respeito aos gestores públicos municipais e cobra agilidade na reforma do Pacto Federativo.

Sartori descansa no Litoral Norte

Sartori arremessa uma bocha

Sartori arremessa uma bocha

O governador José Ivo Sartori (PMDB) esteve neste final de ano em Torres e Arroio do Sal. Nesta cidade jogou bocha com amigos, entre eles o prefeito Luciano Pinto da Silva (PDT).
Sartori descansou bastante no Litoral, fugindo dos terríveis problemas relacionados às finanças estaduais. Não tem o estilo workaholic (viciado em trabalho) do governador Antônio Britto nem o ar compenetrado e eloquente de Pedro Simon.
Como bom descendente de italiano, tal qual seu companheiro e ex-governador Germano Rigotto, desfruta de bons momentos de diversão, convivendo sem desespero com as muitas críticas desferidas pela oposição e por grande parte do funcionalismo.

MP pressiona Arroio do Sal por mais vagas na educação infantil

Pref. Luciano Pinto

Pref. Luciano Pinto

Hoje o prefeito de Arroio do Sal, Luciano Pinto da Silva (PDT), afirmou estar sofrendo grande pressão do Ministério Público em relação ao aumento de vagas na educação infantil. Segundo ele, o promotor do MP de Torres está em vias de lhe determinar uma multa diária de R$ 100 mil em razão do que seria descumprimento de legislação. Luciano ressaltou que durante suas gestões foi construído o maior número de escolas da história do município.
PRESIDÊNCIA DA FAMURS
Na mesma sessão da Amlinorte Luciano anunciou que está procurando encaminhar sua candidatura à presidência da Famurs. Ele relembrou que a região já teve dois presidentes desta entidade: Eliseu Padilha e Alceu Moreira. Agora surge uma nova oportunidade que poderá se concretizar através do apoio dos prefeitos do Litoral Norte e de articulação política nas demais regiões.

Justiça Eleitoral cadastra para voto biométrico

Eleitores de Maquiné fazem seu cadastro

Eleitores de Maquiné fazem seu cadastro

Hoje é o último dia para os eleitores de Maquiné fazerem cadastro no Cartório Eleitoral, em Osório, para voto biométrico, ou seja, com habilitação a partir da colocação do polegar sobre a superfície de dispositivo eletrônico.
Osório é o único município da comarca onde o voto continuará sendo feito pelo modelo de registro escrito. Itati, Terra de Areia e Maquiné já estarão com voto biométrico na eleição municipal de 2016.
Municípios de outras comarcas, como Xangri-Lá, Caraá, Arroio do Sal, Balneário Pinhal, Tavares e Mampituba, também contarão com voto biométrico no ano que vem.

TCE determina que Arroio do Sal reveja concessão de transporte

Pref. Luciano Pinto

Pref. Luciano Pinto

Em sessão da 1ª Câmara desta terça-feira (12), o Tribunal de Contas do Estado (TCE-RS) considerou regulares, com ressalvas, as contas de gestão, do exercício de 2012, do prefeito de Arroio do Sal, Luciano Pinto da Silva. A decisão não é definitiva, cabendo recurso ao Pleno do Tribunal em 30 dias a contar da publicação no Diário Eletrônico do TCE-RS.
Seguindo o voto do relator do processo, conselheiro Marco Peixoto, o Tribunal impôs multa de R$ 1 mil por inobservância das normas constitucionais e legais reguladoras da gestão administrativa destacadas no relatório. O TCE-RS recomendou ao atual gestor que evite a ocorrência das inconformidades destacas e que observe as condições e os prazos quanto ao encaminhamento dos dados relativos às normas da Base de Legislação Municipal (BLM) e do Sistema para Informação de Obras Públicas (SISCOP), podendo ser verificada em futura auditoria.
TRANSPORTE PÚBLICO
Também foi determinado que o atual gestor anule o contrato de Concessão nº10/2012, do serviço de transporte público seletivo, coletivo e escolar, e providencie a repetição do certame licitatório, devidamente corrigidas as inconformidades identificadas.
FONTE: TCE-RS

Amlinorte repudia artigo de ZH

Pref. Luciano Pinto

Pref. Luciano Pinto

Hoje, na reunião da Amlinorte, o prefeito de Arroio do Sal, Luciano Pinto da Silva (PDT), fez pronunciamento criticando o polêmico artigo de Marcos Piangers, publicado no jornal Zero Hora, no qual fez críticas em tom satírico ao litoral gaúcho. Conforme Luciano, Piangers agiu com irresponsabilidade e escreveu bobagens, até mesmo prejudicando a economia da região que tem no verão uma fonte muito importante de recursos, gerando milhares de empregos a cada temporada. A Amlinorte decidiu por enviar uma nota de repúdio à RBS.
Na mesma reunião foi apresentado o trabalho da empresa Mistral, de Porto Alegre, que realiza projetos voltados ao tratamento de efluentes e água.