Marcado: ensino técnico

Pronatec realiza seis cursos em Imbé

Já estão abertas as inscrições para mais seis cursos gratuitos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), em Imbé. Os cursos ofertados são: Manicure e Pedicure (Senac), Assistente Escolar, Cuidador Infantil, Auxiliar de Cozinha, Pizzaiolo e Recepcionista em Serviço de Saúde, todos estes ministrados pelo Instituto Federal.
Conforme o secretário municipal de Desenvolvimento Social, Edison Rosa de Quadros, o Edinho, são 20 vagas para cada curso. As inscrições devem ser feitas no Centro Referencial de Assistência Social (CRAS), na rua Santa Maria, 1016. Mais informações pelo telefone (51) 3627-5579.
Para concorrerem a uma das vagas, é necessário que o candidato tenha idade entre 16 e 59 anos. Os documentos necessários são: carta de encaminhamento do Sistec (recebida na pré-matrícula), comprovante de matrícula em escola pública (se aluno do Ensino Médio) ou comprovante de escolaridade (Histórico Escolar), ou autodeclaração, além de original e cópia da Carteira de Identidade, CPF e comprovante de residência (conta de água, luz ou telefone fixo).
O Pronatec foi criado pelo Governo Federal em 2011, com o objetivo de ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica.

Prédio da extinta Corlac será cedido ao município

O prédio da extinta Corlac vai ser cedido ao município de Osório. A cessão será sacramentada em ocasião que contará com a presença do prefeito Romildo Bolzan Júnior, da secretária estadual da Administração, Stela Farias, e do presidente do campus osoriense do Instituto Federal, professor Roberto Sauoaya. Esta instituição irá implantar cursos técnicos de agroindústria no prédio.

Escola técnica abre inscrições para seleção

Estão abertas até 16 novembro as inscrições para o Processo Seletivo 2012/1 do Campus Osório do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS). Há 180 vagas para novas turmas dos cursos Técnico Integrado ao Ensino Médio, Técnico Subsequente e Superior de Tecnologia em Processos Gerenciais. Os candidatos poderão se inscrever apenas pela internet, nos sites http://www.faurgs.ufrgs.br/concursos ou http://www.ifrs.edu.br/processoseletivo. Para quem não dispõe de acesso à internet, serão disponibilizados computadores para inscrição, de segunda a sexta-feira, no Campus Osório, na Rua Machado de Assis, 1456, das 9h às 20h. A taxa de inscrição custará R$ 45 e poderá ser paga até o dia 17 de novembro.
Para os cursos Técnicos Subsequentes de Nível Médio, 50% das vagas será ofertada através do aproveitamento da nota do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Na inscrição, os candidatos poderão optar pelo uso do resultado obtido nas provas do ENEM, realizadas em 2011. Para o curso superior, 50% das vagas será ofertada através do Sistema de Seleção Unificada (SiSU), cuja seleção será regulamentada em edital específico do Ministério da Educação (www.sisu.mec.gov.br). As vagas restantes serão oferecidas por meio da aplicação de provas. As provas estão marcadas para o dia 11 de dezembro.

Obra do campus é visitada por comunidade

Hoje à tarde foram visitadas as obras dos prédios do campus do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS), localizadas na Avenida Santos Dumont, em Osório. Estiveram presentes funcionários da entidade, prefeito e vereadores que conheceram todos os prédios e salas do complexo. O prefeito em exercício Luiz Carlos Anflor conheceu com satisfação o setor que abrigará o curso de Técnico em Edificações, um das novidades da futura sede. Haverá ampla sala para armazenar os materiais utilizados na construção civil. A previsão é de que todas as obras estejam concluídas até dezembro.
O IFRS está funcionando provisoriamente na antiga Escola Municipal Osvaldo Amaral, contando com os cursos de Administração, Informática para Internet, Guia de Turismo, Informática e Tecnólogo em Processos Gerenciais.

Escola técnica tem informativo

A escola técnica federal, campus de Osório, me enviou por mensagem eletrônica o informativo da entidade. A publicação apresenta as diversas atividades realizadas pela escola, assim como os trabalhos feitos pelos alunos e professores. Por enquanto a escola funciona nas instalações da antiga Escola Osvaldo Amaral. A construção dos prédios do futuro campus, localizado na Avenida Santos Dumont, segue em ritmo forte. Para ler o informativo clique aqui.

Instituto Federal oficializa pedido de uso de prédio da antiga Corlac

Prof. Saouaya, ver. Denílson e sec. Stela Farias

O presidente da Câmara Municipal de Osório, Denílson da Silva (PT), retornou à Secretaria Estadual de Administração, comandada pela petista Stela Farias, e entregou um ofício solicitando informações sobre o terreno e prédio da antiga Corlac, localizado ao lado da Escola Rural, em Osório, que se encontra desativado.
Em recente conversa com a reitora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRS), Cláudia Schiedeck de Souza, foi levantada a possibilidade de uma cedência do terreno à Escola Técnica de Osório para viabilizar a realização do curso de agroindústria. Toda a estrutura existente no local já adiantaria o processo de instalação do curso, além de poder contribuir nos cursos técnicos da própria Escola Rural. Uma das metas é a implantação de curso de agroindústria na escola técnica.
Roberto Saouaya, diretor-geral do campus de Osório, também esteve na visita à Secretária. Saouaya entregou em mãos o ofício assinado por Cláudia Schiedeck reforçando o pedido de utilização do prédio através de um convênio entre o Estado e Governo Federal.

Torres quer escola técnica federal

Torres está se mobilizando para conquistar uma escola técnica federal que disponibilize cursos profissionalizantes. Na sexta-feira (4) o prefeito em exercício, Valmir Daitx Alexandre, reuniu-se com a Comissão Pró Escola Técnica. Conforme ele, a unidade terá papel estratégico para o desenvolvimento econômico da cidade e da região. “A qualificação da mão-de-obra torna possível ampliar a capacidade de competir no mercado de trabalho”, ressaltou.
No encontro foi inicializada a formulação do Protocolo de Intenção a ser encaminhado ao governo federal. O documento solicitará recursos para implantação da unidade que atenderá toda região. “Uma escola técnica deste porte não atenderá somente Torres, mas seguramente será referência para outras cidades do litoral norte gaúcho e sul catarinense”, destacou o prefeito em exercício. O objetivo do Poder Público Municipal e da Comissão Pró Escola Técnica é apresentar, ainda nesta quinzena, ao governo federal o Protocolo de Intenção.
Fonte: Prefeitura de Torres.