Marcado: Industrialização

Osório aposta em indústrias

antônio marculanEm conversa que tive hoje com o secretário municipal de Desenvolvimento e Turismo, Antônio Marculan (foto), me inteirei um pouco da política de atração e manutenção de empresas em Osório. Hoje estão na Área de Geração de Empregos Bruno Niederauer 12 empreendimentos. Neste local está prevista para breve a chegada da Triunfo, indústria de confecções.
A gestão do prefeito Eduardo Abrahão (PDT) tem se saído bem neste campo, fugindo bastante do que foram administrações anteriores também comandadas pelo PDT. Osório tem diversas indústrias instaladas e funcionando e mais algumas devem vir ao longo deste ano e do próximo.
A BRQ, beneficiadora de queijos, deve começar a operar a partir de outubro. Marculan me revelou em primeira mão que outra empresa de cosméticos está vindo se instalar na cidade. Ela terá 30 funcionários, com faturamento anual de R$ 18 milhões. Já está na cidade a Brasil Nativo, fabricante de cosméticos e também perfumes.

Distrito Industrial de Osório

A administração municipal instituiu um Distrito Industrial junto à BR 101, perto do Doces Maquiné. A área tem 47 hectares. Conforme o arquiteto da Prefeitura de Osório, Alencar Massulo de Oliveira, o distrito terá uma avenida central e lotes de dois e três hectares, tendo ao fundo uma Área de Preservação Ambiental.
O projeto está sendo elaborado pelos técnicos e mais adiante será submetido à avaliação da Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam). Após a emissão da Licença Prévia o projeto será finalizado.

Alquimis vem para Osório

A empresa Alquimis, fabricante de produtos de limpeza e higiene, vai se instalar em Osório, com unidade que terá uma forte ação regional. A sede da Alquimis é em São Leopoldo, tendo sido fundada em 1995. “Seu objetivo principal é atender com ética e responsabilidade, e de forma prática e rentável as necessidades do mercado institucional de limpeza e higienização”, afirma em seu sítio na internet.
Conforme o coordenador da agência SINE/Fgtas de Osório, Pablo Fernandes, deverão ser disponibilizadas em torno de 40 vagas de emprego na unidade da Alquimis no município.

Santo Antônio incentiva indústrias

Prefeito Paulo Bier

Prefeito Paulo Bier

O prefeito de Santo Antônio da Patrulha, Paulo Bier (PP), realiza gestão com apoio aos segmentos econômicos e contenção de gastos. Uma das características de Santo Antônio é sua industrialização, setor em que supera os demais municípios do Litoral Norte.

1) Como estão as finanças do município?
O município de Santo Antônio da Patrulha tem as suas finanças relativamente equilibradas. Temos empreendido medidas de contenção de gastos, em virtude de que os municípios estão recebendo repasses a menor principalmente do FPM. Por isso, prevendo que esses valores
serão repassados a menor do que a média dos anos anteriores, já estamos evitando despesas e cortando gastos daquilo que podemos cortar, para que se mantenha um equilíbrio, apesar de que uma prefeitura demanda muitos gastos principalmente na área social. Mas não está havendo prejuízos também no comprometimento dos recursos da área social.

2) Quais setores da economia têm sido incentivados pela Prefeitura?
Muitos setores têm sido incentivados. Os mais frequentes são os ligados à indústria e agroindústria. Esses setores ao longo do tempo historicamente têm sido mais incentivados pela Administração. Mas também obviamente há setores de serviços que configuram uma área de incentivos e outros segmentos de menor monta têm sido incentivados.

3) A industrialização do município está consolidada ou podem surgir novos empreendimentos?
Dificilmente se poderá dizer que o município tenha sua situação em definitivo equilibrada em definitivo. Temos indústrias de porte já bastante razoável, mas obviamente há espaços para novos investimentos industriais e o município age nesse sentido.

4) O turismo pode ser qualificado em Santo A. da Patrulha?
Há uma longa estrada a ser desenvolvida na área turismo. Hoje as ações de turismo são muito pequenas no contexto e das potencialidades do município. Com certeza essa administração vai
se debruçar e fazer com que essas potencialidades sejam redimensionadas para que tenhamos um turismo minimamente à altura das condições do município.
COLABORAÇÃO: Assessoria de Comunicação da Prefeitura

Balneário Pinhal aposta em política industrial

O município de Balneário Pinhal demonstra ter algumas diretrizes diferenciadas, se comparado com a gestão de outros do litoral. O prefeito Jorge Fonseca (PMDB) e sua equipe agora estão direcionando esforços para a implantação de um distrito industrial na localidade de Túnel Verde.
A receptividade ao distrito industrial foi testada junto a empresários e já foram firmados cinco protocolos de intenção para instalação de empresas no local. Para conferir a notícia completa clique aqui.
Algumas cidades da região não conseguem enxergar possibilidades em áreas industriais, pois estão acostumadas ao embalo indolente do verão, festejos anuais e farras com o dinheiro público. Pelo menos algumas acreditam, caso de Balneário Pinhal.

SüdMetal sumida

Vasculhando a Internet, descobri fotos e matérias que revelavam a grande confiança que a administração municipal de Osório tinha na vinda da SüdMetal.
A confiança era tamanha que o secretário Eduardo Abrahão chegou a afirmar que a indústria se instalaria na cidade com 100% de certeza.
Por falar nisto, o site da SüdMetal está fora do ar. Tentei por caminhos variados acessá-lo e nada.

“Osório espera investimento de R$ 100 milhões da Süd Metal”

Devem começar em setembro as obras que vão preparar a implantação de um complexo industrial do grupo Süd Metal em Osório. A prefeitura local conta com um investimento estimado em cerca de R$ 100 milhões em seis unidades que devem empregar até 2,6 mil pessoas. Os trabalhos a cargo do município deverão exigir entre R$ 10 milhões e R$ 15 milhões.
Depois de assinar um protocolo de intenções com a prefeitura, na quinta-feira, a empresa tem evitado se manifestar sobre o investimento. Conforme Eduardo Abrahão, secretário de Administração e Habitação de Osório, porém, não há qualquer risco de mudança de planos:
– O empreendimento será realizado com 100% de certeza.
Para mostrar a confiança da prefeitura no acordo firmado, Abrahão disse que as atividades ma área de 70 hectares que vai receber as seis unidades do Süd Metal começa no próximo mês. O local, na Estrada da Perua, é próximo do ocupado pelo Parque Eólico de Osório, cuja implantação ajudou os cofres locais a suportar os compromissos assumidos com a empresa: terraplenagem, arruamento interno e externo, poços artesianos, instalações básicas e mínimas de funcionamento de esgoto pluvial, estação de tratamento de efluentes e asfaltamento da estrada.
– Estamos começando as obras no mês que vem, assim que a desapropriação da área for resolvida – assegurou Abrahão.
Há 90 dias a prefeitura negociava com o grupo, que também fez contatos com Montenegro. Na avaliação do secretário, a proximidade da BR-101, do parque eólico e também as condições do município de oferecer e bancar o conjunto de benefícios motivaram a escolha por Osório. No protocolo firmado, a Süd Metal assume o compromisso de implantar seis plantas na área escolhida: duas de fundição de metais ferrosos, uma de fundição de alumínio, uma de forjaria, uma de usinagem e uma de chicotes e sistemas elétricos. O grupo é fornecedor de peças e equipamentos para os setores automobilístico e de máquinas agrícolas.

*NOTA DO EDITOR: matéria publicada no site de Zero Hora em 23 de agosto de 2008.